» » Como o Ouro é Formado?

Como o Ouro é Formado?

O ouro é um elemento químico metálico formado a partir do choque ou colisão entre duas partículas de nêutrons. Assim como outros elementos químicos, é resultado de uma fusão nuclear ocorrida durante o processo de formação do planeta Terra.

Suas jazidas foram constituídas há milhões de anos, a partir de fenômenos naturais, como terremotos e vulcões.

Em temperatura ambiente, esse material precioso é encontrado em estado sólido.

Etimologia do vocábulo ouro

A palavra “ouro” vem do latim “aurum”, que significa brilhante.

Utilização do ouro

Como é de consistência muito mole, seu uso em joias, geralmente, está associado a outros metais, como prata e cobre. Do contrário, um simples aperto de mão seria o suficiente para danificar uma peça.

Além de joias, o ouro também é adotado nas comunicações, naves espaciais, computadores, motores de aviação, conexões elétricas, restaurações dentárias, fotografias e refletores de luz infravermelha, entre outros.

Como encontrar o ouro

Raras, suas jazidas podem ser encontradas nos leitos dos rios, minas a céu aberto e minas subterrâneas. O rastreamento é feito por meio de satélites e análises das formações rochosas – falhas geológicas podem ensejar a criação de ouro. Para isso, são recolhidas amostras de solo, rochas e sedimentos. Quando encontrado, o ouro precisa passar por processos químicos para ser separado de outros elementos.

O que é o quilate?

O quilate é a medida utilizada para mensurar a pureza do metal. Seu resultado é a razão entre a massa de ouro presente e a massa total da peça, multiplicada por 24. Quanto menor o quilate, mais resistente é a peça de ouro (e menor a sua pureza também, já que há a concentração de outros materiais).

Atualizado em: 05/02/2019 na categoria: Natureza

Quer receber as melhores curiosidades?