» » Por Que Lúcifer foi Expulso do Céu?

Por Que Lúcifer foi Expulso do Céu?

Lúcifer foi expulso do céu porque quis colocar o seu trono acima do trono de Deus. Lúcifer almejava ter os mesmos direitos que Jesus tinha e por conta de sua ganância se corrompeu e se rebelou por conta própria, o que causou seu banimento.

Qual era o nome de Lúcifer no céu?

O nome de Lúcifer no céu era Samael, que segundo a etimologia, significa Veneno (Sama) de Deus (El). Lúcifer (portador da luz) era denominado de “sinete da perfeição” que atualmente foi traduzido como “modelo de perfeição”.

Como Deus expulsou Lúcifer do céu?

O Anjo Corrompido foi expulso por Deus por meio das hostes celestiais lideradas pelo arcanjo Miguel após uma grande batalha nos céus contra o exército dos rebeldes, como descrito na bíblia:

“Houve peleja no céu. Miguel e os seus anjos pelejaram contra o dragão. Também pelejaram o dragão e seus anjos; todavia, não prevaleceram; nem mais se achou no céu o lugar deles. E foi expulso o grande dragão, a antiga serpente, que se chama diabo e Satanás, o sedutor de todo o mundo, sim, foi atirado para a terra, e, com ele, os seus anjos.” (Apocalipse 12:7-9).

Anjos que caíram do céu junto com Lúcifer

“E a sua cauda levou após si a terça parte das estrelas do céu, e lançou-as sobre a terra; e o dragão parou diante da mulher que havia de dar à luz, para que, dando ela à luz, lhe tragasse o filho” – (Apocalipse 12:4). Como descrito na bíblia, Lúcifer contava com um terço dos anjos que caíram junto a si. Os demais são:

  • Abaddon;
  • Azazyel;
  • Leviatã;
  • Samyaza;
  • Yekun;
  • Kesabel;
  • Gadreel;
  • Penemue;
  • Kasyade.

 

Atualizado em: 27/05/2018 na categoria: Religião