» » Por que as Pessoas Modificam as Paisagens?

Por que as Pessoas Modificam as Paisagens?

As pessoas modificam as paisagens para criar condições de ocupação com construções civis e para produção de atividades, como cultivo de alimentos e criação de animais. O homem modifica constantemente a paisagem natural para que o ambiente a sua volta se adapte às suas necessidades e vontades.

Como as pessoas modificam as paisagens?

O homem modifica a paisagem de diversas maneiras e com diversos recursos: construções civis, lixo e poluição, desmatamento de matas e florestas, queimadas, etc.

É claro que a infraestrutura e o conforto necessário à vida da população podem ser assegurados com modificações na paisagem feitas com consciência ambiental. Um exemplo disso é o plantio de árvores em substituição àquelas que precisaram ser arrancadas para a realização de obras.

A modificação de paisagens também pode ser feita para fornecer a um local maior aspecto natural, utilizando recursos como o paisagismo, por exemplo.

Como o tempo modifica uma paisagem?

A passagem do tempo traz consigo diferentes climas, temperaturas, força dos ventos, volume de chuvas, incidência da luz do sol, enfim, diversos fatores que podem modificar totalmente uma paisagem ao longo de apenas um ano!

Nos países onde as estações são mais definidas, como nos Estados Unidos, por exemplo, a paisagem natural é constantemente alterada.

Podemos observar, ao logo do tempo, que as paisagens também se modificaram de acordo com o estilo da época. Dessa forma, pode-se concluir que o próprio homem e a evolução das sociedades promovem alterações na paisagem de acordo com as tendências do momento.

Como a própria natureza modifica a paisagem?

Os fenômenos naturais provocam grandes mudanças nas paisagens, como terremotos e tsunamis, erupção de vulcões, tornados e furacões, chuvas e ventos, neve e geadas, avanço ou recuo das marés, avanço dos desertos e tempestades.

Cada um desses fenômenos tem grande capacidade de modificar o meio em que se propaga. Os terremotos, causados pela movimentação das placas tectônicas, podem causar catástrofes, destruindo regiões inteiras, por exemplo, assim como os tsunamis, tornados, furacões e erupção de vulcões.

A desertificação de certos locais torna inviável a produção agrícola, além da sobrevivência das espécies de plantas e animais já existentes no local, enquanto o avanço do mar muda os litorais, faz desaparecer os areais e devasta o ecossistema ao seu redor, além de expulsar moradores que residem nas áreas próximas.

Atualizado em: 12/06/2018 na categoria: Geografia