» » Por que as Águas Vivas Queimam?

Por que as Águas Vivas Queimam?

As águas vivas não queimam, mas provocam a sensação de queimadura porque, ao entrar em contato com a pele, liberam toxinas produzidas por células especiais. As águas vivas disparam essas substâncias tóxicas para se defender e capturar seu alimento.

Essas substâncias podem ter efeito paralisante, necrosar (causar a morte do tecido) ou mesmo destruir as células vermelhas do sangue.

A maioria das águas vivas não possuem toxinas mortais, com exceção de algumas espécies, como a Chironex fleckeri, muito comum na Austrália, conhecidas como vespas-do-mar.

Afinal, a água viva queima ou dá choque?

Em geral, as toxinas presentes nas águas vivas provocam sensação de queimadura quando entram em contato com a pele, provocando dor leve, moderada ou intensa e surgimento de vermelhidão e bolhas no local afetado.

Essa sensação pode variar de acordo com a parte atingida, com a espécie de água viva e com o tipo de substância liberada: em alguns casos, elas são imperceptíveis!

Existem águas vivas que não queimam?

Algumas espécies de águas vivas não provocam queimaduras e são inofensivas, como a espécie Racostoma atlanticun.

Uma água viva pode queimar depois de morta?

Mesmo que as águas vivas ainda estejam mortas, suas células produtoras de toxinas (cnidócitos) podem continuar disparando essas substâncias e provocando as “queimaduras”.

Os tentáculos das águas vivas podem continuar queimando mesmo se estiverem separados do resto do animal!

Apenas os tentáculos das águas vivas são perigosos?

Não só os tentáculos da água viva são perigosos, mas seu corpo também. Toda a estrutura das águas vivas possui células produtoras de toxinas (cnidócitos), mas elas se concentram em maior quantidade nos tentáculos.

A água viva não queima a palma da mão?

A água viva pode, sim, queimar a palma da mão. Em qualquer circunstância, ao avistar uma água viva o melhor a se fazer é fugir para longe!

Atualizado em: 27/05/2018 na categoria: Animais